Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

18
Jul14

Corpo a corpo

Maria do Rosário Pedreira

As férias aproximam-se – e, com a ideia da praia, muitas mulheres começam a preocupar-se seriamente com o corpo; matriculam-se em ginásios, fazem dietas radicais, sonham com plásticas, ou evitam despir-se, envergonhadas com os quilos a mais e a celulite. Lidar com o próprio corpo, quando este não é perfeito (o que acontece quase sempre) é uma carga de trabalhos para o sexo feminino, embora comecem a ser cada vez mais comuns rapazes e homens obcecados com o físico. Pois bem, Gostas do Que Vês?, de Rute Coelho, é um romance sobre a relação que duas mulheres muito diferentes – Natália e Cecília –, ambas com problemas de obesidade, têm com o próprio corpo. E, se uma vive amargurada com as dores nos joelhos, o peso dos seios que lhe entorta a coluna e o difícil relacionamento com o sexo oposto, pois a outra dá a volta por cima e tira claramente partido das suas curvas, virando as dificuldades a seu favor. O mundo contemporâneo é preconceituoso com a gordura, há discriminação e troça, os cânones da beleza feminina estabelecem como padrão corpos quantas vezes escanzelados... Na moda, já se criaram movimentos contra este tipo de manequins pele-e-osso, mas na vida de todos os dias, nas escolas e empregos, os gordos sabem muito bem o que se sofre. Este é um livro para eles – e para todos os que não estão felizes com o corpo que lhes calhou em sorte; mas é também um romance sobre as razões que nos levam a ter comportamentos estranhos – como o de comer demais – e sobre a forma de enfrentarmos os nossos dramas se queremos gostar do que vemos num espelho.

17 comentários

Comentar post