Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

13
Abr15

Debater a cultura

Maria do Rosário Pedreira

A Direcção-Geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas organiza, entre 15 e 22, no Centro Cultural de Belém, um interessante fórum que tem por nome O Lugar da Cultura: Modelos e Desafios e que pretende responder, entre muitas outras questões, às perguntas «Qual é o espaço que a cultura deve ocupar no século XXI?» e «Que modelo de desenvolvimento queremos?». Entre variadíssimos painéis de debate e colóquios com participantes nacionais e internacionais de nomeada, destaco – porque me parece extremamente importante para a difusão da língua portuguesa, que é talvez o nosso mais rico património – a sessão dedicada à internacionalização da literatura e da ilustração portuguesas no dia 17 às 10h00 da manhã, com a presença da escritora Dulce Maria Cardoso, de Harrie Lemmens (tradutor de português para neerlandês), de Federico Bertolazzi (tradutor de português para italiano e professor na Universidade de Roma), Isabel Minhós Martins (autora de livros infantis e editora da Planeta Tangerina), António Jorge Gonçalves (ilustrador), Fernando Pinto do Amaral (pelo Plano Nacional de Leitura) e José Manuel Cortês (director-geral do Livro, dos Arquivos e das Bibliotecas). Um pouco mais tarde, às 11h30, serão entregues prémios de ilustração a João Fazenda (meu parceiro no livro A Minha Primeira Amália), António Jorge Gonçalves e Yara Kono. A partir do dia seguinte, as sessões serão abertas ao público, mediante a lotação da sala, mas as inscrições podem ser feitas através do link:

https://pt.surveymonkey.com/s/lvro

O programa completo pode ser consultado aqui:

http://olugardacultura.pt/

 

 

7 comentários

Comentar post