Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

19
Jan17

Detroit-Figueira-Lisboa

Maria do Rosário Pedreira

Como já vem sendo hábito, a Biblioteca da Figueira da Foz organiza sessões mensais, às 21h30 de uma quinta-feira, sobre autores e livros específicos, em que os escritores podem conversar com o público sobre a sua mais recente produção e responder a perguntas do moderador, o também romancista António Tavares, que tem, entre outros, o pelouro da Cultura na Câmara figueirense. Hoje à noite, será a vez de João Ricardo Pedro e do seu romance O Postal de Detroit, publicado em Abril de 2016; e lá estarei com ele nuns confortáveis sofás de couro preto para fazer uma pequena introdução à obra e lançar algumas questões para abrir o diálogo. Vai ser divertido sentar-me entre dois galardoados com o Prémio LeYa, já que não só João Ricardo Pedro o venceu em 2011 com O Teu Rosto Será o Último, que atingiu números de venda espectaculares para um romance de estreia e foi traduzido em cerca de uma dezena de países, mas também o próprio moderador viu o seu romance O Coro dos Defuntos contemplado em final de 2015 com esse mesmo prémio. A seguir ao encontro, há chá de limonete e bolinhos para convidados e público, o que é bom, pois a seguir temos de conduzir até Lisboa e é bom levarmos o estômago aconchegado. Apareça!

CARTAZ JOÃO RICARDO PEDRO.jpg

 

5 comentários

Comentar post