Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

22
Abr16

Matar saudades

Maria do Rosário Pedreira

Quem tem a minha idade ou mais – mas também quem tenha pais que compravam livros e liam regularmente – lembra-se seguramente dos Livros RTP, uma colecção de obras portuguesas e estrangeiras que a Rádio Televisão Portuguesa criou com a Editorial Verbo quando eu era jovem e na qual li, por exemplo, O Retrato de Dorian Gray, de Oscar Wilde, ou Aparição, de Vergílio Ferreira. Estava a coisa mais ou menos esquecida quando a nova direcção da televisão pública decidiu reavivá-la e, por isso, desde ontem que temos de novo à disposição os Livros RTP, colecção hoje dirigida pelo meu querido colega Zeferino Coelho, da Editorial Caminho, na qual se publicará o essencial da ficção do século XX, metade em português, metade em tradução. Iniciada com dois títulos poderosos – Ensaio sobre a Cegueira, de José Saramago (que conta justamente com prefácio de Zeferino Coelho, o seu editor de uma vida), e A Guerra do Fim do Mundo, de Mario Vargas Llosa, vencedor do Nobel da Literatura há poucos anos (este será prefaciado por António Mega Ferreira), a colecção promete alimentar-se todos os meses com mais livros, que estarão à venda em banca e nas livrarias por apenas 10 Euros. E nós desejosos de lhes deitarmos a mão e matarmos saudades, até porque as capas novas piscam curiosamente o olho às antigas.

 

ensaio_sobre_cegueira_rtp.jpg

 

10 comentários

Comentar post