Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

02
Set15

Pessoa para as pessoas

Maria do Rosário Pedreira

Tendo em conta a quantidade de turistas que nos dias de hoje – e sobretudo no Verão – visitam Lisboa, a Casa Fernando Pessoa faz um forcing até 29 de Setembro e aumenta significativamente o número de visitas guiadas (mas qualquer lisboeta pode e deve aproveitá-las, claro). E não só organiza diariamente visitas em português e inglês, como se compromete a desvendar as memórias do poeta através dos objectos que a casa possui (mobiliário, quadros, manuscritos, coisas pessoais) e ainda a realizar itinerários mais sofisticados, para leitores exigentes, como o delineado pela relação entre Pessoa e Almada Negreiros (a partir do retrato do primeiro pintado pelo segundo) ou mesmo, para os mais românticos, aquele que pode ser seguido acompanhando as histórias de amor do poeta, seja na sua obra, seja na sua vida. Nunca conheceremos inteiramente um homem e um escritor como o mestre Pessoa, mas lá que podemos ficar a saber sempre mais qualquer coisinha, isso é inegável.

5 comentários

Comentar post