Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

22
Dez14

Revistas

Maria do Rosário Pedreira

Agora, que os jornais têm cada vez menos espaço para a cultura e, certamente por isso, divulgam todos aproximadamente os mesmos livros e autores, torna-se mais importante ler revistas literárias, incluindo, claro, as antigas, através de cuja consulta podemos tomar contacto com nomes pouco falados habitualmente, com excertos de obras que desconhecemos, com escolhas de poemas, com artigos e entrevistas sempre interessantes. Sem querer fazer publicidade – porque, na verdade, também se trata de uma forma de negócio, e sobretudo para coleccionadores e gente com muito dinheiro no bolso –, não posso deixar de aconselhar a quem se interessa por estas relíquias um blogue que dá justamente pelo nome de Revistas à portuguesa e disponibiliza colecções inteirinhas de revistas literárias raras e difíceis de encontrar e que fizeram, em alguns casos, história – no fundo, uma espécie de alfarrabista de publicações periódicas de qualidade. Bem sei que cada uma destas colecções é bem capaz de custar um salário mensal, mas o que importa não será tanto comprar os lotes ali anunciados como passar os olhos pelos índices e ver a diversidade de títulos e conteúdos. Depois de estimulada a curiosidade, podemos então procurar a obra de algum autor que nos passou despercebido e ir acompanhando também as revistas literárias novas, a preços substancialmente mais adequados às nossas possibilidades. O endereço do blogue é:

http://revistasaportuguesa.blogspot.pt/

11 comentários

Comentar post