Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

05
Mar15

Um par irresistível

Maria do Rosário Pedreira

Já aqui falei deste mini-romance de Mário Cláudio, O Fotógrafo e a Rapariga, que é o último de uma trilogia dedicada à relação entre pessoas de idades muito diferentes. Depois de Bernardo Soares e um paquete de escritório em Boa Noite, Senhor Soares, e de Da Vinci e um seu discípulo em Retrato de Rapaz, temos agora a novidade de uma rapariga e de um professor de Matemática, fotógrafo amador, que se sente muito atraído por Lolitas e vê na menina Lidell alguém que fica muito bem na objectiva da sua câmara. Charles Dodgson (esse professor-fotógrafo) ficou conhecido por Lewis Carroll e é o autor desse livro imortal intitulado Alice no País das Maravilhas, que se diz ter sido inspirado justamente por Alice Lidell (que está na capa do livro de Mário Cláudio e tem ar de tudo menos de inocente). Depois de o termos feito nas Correntes d’Escritas, é agora a vez de lançarmos O Fotógrafo e a Rapariga no Porto (logo mais à tarde, pelas 18h30, na Sala Braga da Ordem dos Médicos, com apresentação do professor Martinho Soares) e em Lisboa (amanhã, na Livraria Buchholz, às 18h30, com apresentação de Daniel Sampaio). Apareça!

_opt_VOLUME1_CAPAS-UPLOAD_CAPAS_GRUPO_LEYA_DQUIXOT

12 comentários

Comentar post