Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

12
Abr13

Pagar para ver

Maria do Rosário Pedreira

Todos os portugueses sabem que, no Porto, existe uma das mais lindas livrarias do mundo. Chama-se Lello e ninguém ficará indiferente se a visitar. O problema das coisas bonitas é todos quererem vê-las – e, se já só podem entrar x pessoas de cada vez na Basílica de S. Marcos, em Veneza, pois parece que a nossa Lello, de tantos lá meterem o nariz, está também a desgastar-se. A palavra «desgaste» vem, aliás, de quem a gere e foi recentemente acusado de cobrar entradas de dois euros aos que ali querem entrar. Estranho, diria eu, não se tratando de monumento nacional nem me parecendo que um estabelecimento comercial possa fazer dinheiro como os museus vendendo bilhetes. Garante, porém, o responsável que há duas mil pessoas que entram diariamente na Livraria Lello e que esse dinheiro é para atender ao forçoso «desgaste» (sim, mas como prová-lo?); e diz que só cobra entradas a grupos de turistas organizados, o que, segundo testemunhos de clientes, é falso, pois um casal português com uma criança – e, ao que parece, visitantes e compradores regulares na Lello – foi surpreendido com a obrigatoriedade de pagar os ditos dois euros. Será que, a comprar livros, a quantia é descontada no total das compras? Ou a livraria está apenas a tentar colmatar a falta de livros vendidos (a crise é grande) com este estratagema? Nas redes sociais, a polémica instalou-se – e não são raros os comentários pouco abonatórios sobre a má-educação dos funcionários e a oferta reduzida e desinteressante da livraria…

39 comentários

Comentar post

Pág. 1/2

A autora

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2010
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D