Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

10
Set13

A estatística da felicidade

Maria do Rosário Pedreira

Já aqui vos falei do novo romance de David Machado, intitulado Índice Médio de Felicidade. Nele, abrindo os capítulos, temos alguns números interessantes, deixando bem à vista que os países com bom nível de vida, onde as pessoas não são carenciadas, apresentam um índice médio de felicidade superior ao de outros onde há fome e dificuldades – a Suíça, por exemplo, tem um índice médio de felicidade de 8 (a tabela é de 0 a 10 e os dados de 2012) enquanto o Congo ou a Costa do Marfim se ficam pelos 4,4. Mas não é só o conforto material que conta, o mood colectivo deve ser bastante determinante, porque a soalheira Costa Rica supera a Suíça com um índice médio de felicidade de 8,5, apesar de ser um país com muitas carências, enquanto Portugal, mais bisonho mas, em todo o caso, mais desenvolvido, só consegue uns míseros 5,7 (que, segundo leio no jornal, baixou para 5,1 em 2013). O número encontra-se mediante a resposta à pergunta «De 0 a 10, quão satisfeito se sente com a vida no seu todo?» e fizemo-la a pessoas de várias idades no vídeo cujo link vai abaixo. Ou era porque tinham vindo de férias uns dias antes ou porque já tinham lido o romance de David Machado e estavam contentes, a verdade é que é caso para dizer que nem pareciam portuguesas…

 

 

http://www.youtube.com/watch?v=jiNqG1ZJYCI&feature=youtu.be

 

https://www.facebook.com/photo.php?v=10151926252184863&set=vb.599855346731646&type=2&theater

 

 

4 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 11.09.2013

    Não se atreva a ameaçar-nos! Pode e deve continuar a partilhar essas histórias connosco!
  • Sem imagem de perfil

    António Luiz Pacheco 11.09.2013

    Não foi uma ameaça... não me entenda mal!
    Foi mesmo para prevenir alguma coisa...

    Mas creio que lhe devo a explicação:

    Uma pessoa, que aqui vem e também ao facebook, mandou-me uma mensagem pessoal a criticar-me por exibicionismo e um escritor frustrado...
    Na dúvida, achei por bem pedir desculpas...

    Um abraço cá de Nuanda!
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 11.09.2013

    Haverá sempre quem não concorde connosco, então não se preocupe... e na verdade também só lê quem quer e o que quer...e eu quero.
    Um abraço cá de Lisboa
    Isabel
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

    A autora

    foto do autor

    Subscrever por e-mail

    A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

    Arquivo

    1. 2020
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    14. 2019
    15. J
    16. F
    17. M
    18. A
    19. M
    20. J
    21. J
    22. A
    23. S
    24. O
    25. N
    26. D
    27. 2018
    28. J
    29. F
    30. M
    31. A
    32. M
    33. J
    34. J
    35. A
    36. S
    37. O
    38. N
    39. D
    40. 2017
    41. J
    42. F
    43. M
    44. A
    45. M
    46. J
    47. J
    48. A
    49. S
    50. O
    51. N
    52. D
    53. 2016
    54. J
    55. F
    56. M
    57. A
    58. M
    59. J
    60. J
    61. A
    62. S
    63. O
    64. N
    65. D
    66. 2015
    67. J
    68. F
    69. M
    70. A
    71. M
    72. J
    73. J
    74. A
    75. S
    76. O
    77. N
    78. D
    79. 2014
    80. J
    81. F
    82. M
    83. A
    84. M
    85. J
    86. J
    87. A
    88. S
    89. O
    90. N
    91. D
    92. 2013
    93. J
    94. F
    95. M
    96. A
    97. M
    98. J
    99. J
    100. A
    101. S
    102. O
    103. N
    104. D
    105. 2012
    106. J
    107. F
    108. M
    109. A
    110. M
    111. J
    112. J
    113. A
    114. S
    115. O
    116. N
    117. D
    118. 2011
    119. J
    120. F
    121. M
    122. A
    123. M
    124. J
    125. J
    126. A
    127. S
    128. O
    129. N
    130. D
    131. 2010
    132. J
    133. F
    134. M
    135. A
    136. M
    137. J
    138. J
    139. A
    140. S
    141. O
    142. N
    143. D