Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

02
Set19

Bem-vindos

Maria do Rosário Pedreira

Ora, mais uma vez bem-vindos (se é que ainda aí estão) ao Horas Extraordinárias depois de umas férias que espero tenham sido muito boas (as minhas, passadas a saltitar de um lugar para o outro, foram óptimas). Hoje é dia de dizer o que ando a ler, mas prefiro falar de um romance que li nestas férias – História de Uma Família Decente, de Rosa Ventrella –, obra que é para os leitores que apreciam sagas familiares e histórias bem contadas e cinematográficas, e que eu diria ser muito indicado para todos os amantes de A Amiga Genial, de Elena Ferrante (seja lá ela quem for). O enredo centra-se numa história de amor entre dois amigos de infância num bairro difícil e violento de Bari e pode ser visto, por um lado, como uma espécie de Romeu e Julieta contemporâneo com um final muito diferente (eu não disse feliz, reparem), mas também como um relato das condições de vida dos moradores de um bairro de pescadores da Itália do século XX. Lê-se num ápice e já foi comprado por uma produtora de cinema. Daqui só se pode esperar um belo filme, com actores belos – italianos, bem entendido. Fluente, sem gorduras, uma leitura sem espinhas.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.