Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

13
Mar18

Na Madeira

Maria do Rosário Pedreira

Hoje começa o Festival Literário da Madeira – e tomara que o tempo ajude, pois no ano passado a pobre Svetlana que ganhou o Nobel da Literatura não conseguiu chegar ao destino, mesmo tendo tentado aterrar no arquipélago três vezes… O tema desta vez é «Jornalismo e Literatura – Palavra que prende, palavra que liberta» e, de hoje até dia 17, o Teatro Municipal Baltazar Dias vai receber o público interessado para conversas variadas com convidados de luxo: Daniel Alarcón, Ricardo Araújo Pereira, Benjamin Moser (biógrafo de Lispector), José Luís Peixoto, Frei Bento Domingues, Clara Ferreira Alves, Javier Cercas, Esther Mucznick e muitos outros, portugueses e estrangeiros. Discutir-se-ão temas sempre actuais que têm por mote frases de grandes escritores (a de Philip Roth é «Compreender as pessoas não tem nada a ver com a vida. O não as compreender é que é a vida») e haverá apresentações de livros. No dia 16, pelas 21h30, a fadista Aldina Duarte apresentará o seu mais recente álbum Quando Se Ama Loucamente, inspirado na obra da escritora Maria Gabriela Llansol. Eu até lá dava um saltinho… mas infelizmente não posso.

5 comentários

Comentar post