Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

21
Mai18

O livro das rainhas

Maria do Rosário Pedreira

Guida Cândido surpreendeu-nos há cerca de dois anos com uma tentadora proposta, a de reunir cinquenta receitas de cinco livros de cozinha de cinco séculos diferentes. O livro, se ainda se lembram, chama-se Cinco Séculos à Mesa, tem uma versão abreviada em inglês para os que visitam Portugal e gostam de experimentar os pratos do País (arroz-doce, por exemplo) e, além disso, ganhou o Prémio Portugal Cookbook Fair 2017 e recebeu ainda o Gourmand Award na categoria de Receitas Históricas. Mas esta especialista em História da Alimentação, que não pára e gosta imenso de cozinhar com estilo, atreveu-se a este maravilhoso segundo livro que hoje vos trago. Comer como Uma Rainha – um belo título, aliás, que aponta para opulência e sofisticação – apresenta-nos o receituário da realeza portuguesa do século XVI ao século XX, partindo das ementas, livros de despesas, documentos, etc., de cinco rainhas de Portugal: D. Catarina de Áustria, D. Maria Francisca de Sabóia, D. Maria Ana de Áustria, D. Maria I e, por fim, D. Maria Pia de Sabóia, a mãe do gordinho rei D. Carlos. As receitas mostram bem as influências que as refeições tomadas na Corte sofreram com as «importações» de certos hábitos alimentares, uma vez que quase todas as rainhas eram originárias de países estrangeiros. A belíssima capa com uma reprodução de um quadro flamengo de Clara Peeters e o grafismo de Maria Manuel Laceda fazem desta obra um livro bonito e apetecível. O seu lançamento é amanhã, na Figueira da Foz, e estão todos convidados.

 

Conv_Comer_rainha.jpg

 

3 comentários

Comentar post