Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Horas Extraordinárias

As horas que passamos a ler.

27
Mai19

Pano para mangas (e não só)

Maria do Rosário Pedreira

Apesar de achar o Facebook cada vez mais cheio de gente agressiva e frequentá-lo pouco, de vez em quando compensa ir lá espreitar pois descobrem-se coisas muito curiosas nos posts de algumas pessoas. Desta vez falo da crítica e escritora (e sempre agradável, porque ama a vida!) Helena Vasconcelos, que me deu a conhecer há uns dias um divertido artigo da famosa Paris Review; uma das suas colaboradoras, Julia Brick, escreve sobre o vestuário de personagens literárias – e o que é mesmo giro é que se associa a uma ilustradora (autora, de resto, de umas quantas capas da revista New Yorker, o que já diz muito do seu trabalho) e esta desenha para ilustrar o artigo alguns modelos usados por Franny em Franny e Zooey, de J. D. Salinger. Ao vê-los, dizia Helena Vasconcelos, dá vontade de regressar à infância. E eu concordo! Oh, como me lembro das queridas bonecas de papel com o seu guarda-roupa de recortar! Quando estava com gripe, em miúda, pedia sempre que me dessem uma dessas folhas, que trazia a boneca e muitas roupas variadas ao lado, do mais desportivo ao mais chique… Nunca me passaria pela cabeça, porém, que alguém fizesse o mesmo tendo por base a criação literária, mas a verdade é que a literatura dá mesmo pano para mangas (mesmo que o pano, no caso, seja papel, e as mangas sejam apenas uma parte ínfima destas roupas). Esta seria talvez uma boa ideia para apresentar personagens literárias aos leitores mais novos e deixar-lhes o bichinho da curiosidade pelo livro de onde foram tiradas… O link vai aí para se deliciarem.

https://www.theparisreview.org/blog/2019/05/20/literary-paper-dolls-franny/

 

60910192_10156629370104833_6951703300731305984_n.j

 

 

 

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.